Aqui está, como prometido, o terceiro post da "trilogia" de artigos que tratam do papel do estado numa sociedade livre, de acordo com as ideias de três pensadores liberais distintos. O primeiro, tratava das opiniões de Ludwig von Mises conforme expressas no livro Liberalismo Segundo a Tradição Clássica; o segundo mostrava a visão de Friedrich Hayek, usando como base a obra Caminho da Servidão e por fim este, trata das ideias de Milton Friedman presentes no livro Capitalismo e Liberdade.

O texto deve se alongar bastante dessa vez e por isso, vou poupar o espaço em que caberia uma apresentação desta proeminente figura que é Milton Friedman. Presumo que a maioria dos meus leitores já esteja a par de algumas de suas ideias principais, de sua importância para as ciências econômicas e de seu destaque dentro do movimento liberal.